Encontros e relações nos novos "areópagos"

É muito interessante observar as entrelinhas dos “encontros e relações” nas redes sociais, nestes espaços de uma impressionante rapidez e mutações, de palavras, de saudações, de silêncios e indiferenças, de grandes alegrias… Espaços de reflexões, de discussões, críticas, mas também de vazios e desorientações. Observa-se, sobretudo, um atuante “imaginário religioso”, traduzido por sinais, palavras, imagens,Continuar lendo “Encontros e relações nos novos "areópagos"”

As relações e o Amor…

Quando nos deparamos com os nossos bloqueios nos relacionamentos, quando nos consideramos sozinhos e desencontrados de alguém ou dos outros que participam de nossa existência ou que cruzam nossa cotidianidade, ou ainda dos que estão em nossas “páginas sociais”, podemos pensar que tudo seja a verdade dos novos tempos, que há “contatos”, mas não háContinuar lendo “As relações e o Amor…”

Muito da graça da vida devemos aos amigos

“Robinson Crusoé, solitário em sua ilha, torna-se lentamente estúpido”. Qual a razão disso, poderíamos nos perguntar. É possível compreender que a questão se justifica pelo fato de que, os pensamentos dos outros nos são necessários, que seu olhar nos completa, faz parte da identidade que construímos. Cada ser humano deseja e necessita ser reconhecido porContinuar lendo “Muito da graça da vida devemos aos amigos”

Eu aprendi

Se Shakespeare atreveu-se, atrever-me-ei, também. Que insolência! Lá vou eu. Depois de algum tempo eu aprendi que nossos melhores amigos somos nós mesmos e que é imprescindível que zelemo-nos incessantemente como uma joia rara. Eu aprendi que quando a gente se gosta os outros reparam e respeitam. Aprendi que a vida é feita de perdasContinuar lendo “Eu aprendi”

Quero conhecer a Deus e a alma!

A convivência não tão prolongada com um jovem rapaz ou uma jovem moça nos faz perceber um pouco do que se passa em sua mente, nos faz identificar seus valores e captarmos seus sonhos e a visão de mundo que os contorna. Não falo aqui dos projetos profissionais simplesmente, por mais admiráveis que possam ser,Continuar lendo “Quero conhecer a Deus e a alma!”

A felicidade será sempre possível

Nesse mundo de palavras e valores, relações e descobertas, sempre me impressiono com a dramaticidade dos fatos e o mistério de dor e cruz nos corações que, de alguma forma, chegam até nós para que ao menos sejam acolhidos, ouvidos e estimulados à esperança. E do que querem falar? De tantas coisas, mas todas reais,Continuar lendo “A felicidade será sempre possível”

Cultivar a fé em Deus e compartilhar a vida com alguém

Temos acompanhado na Liturgia da Igreja nesses últimos Domingos, leituras bastante favoráveis à uma reflexão concreta sobre a nossa relação com o dinheiro e os bens materiais. Estamos sendo convidados a refletir, sobretudo, no perigo do materialismo e do individualismo, como na loucura de colocarmos o sentido de nossa vida no dinheiro. O que temosContinuar lendo “Cultivar a fé em Deus e compartilhar a vida com alguém”

Fazer da caridade o dom por excelência

Ficamos mesmo muito impressionados com a nossa forma exclusivista de tratarmos as pessoas que pensam diferente de nós, que creem de outro jeito e que não temem dizer que são até mais felizes do que nós. Parece que quanto mais cremos e dizemos que amamos a Deus e ao próximo, mais construímos juízos e separaçõesContinuar lendo “Fazer da caridade o dom por excelência”