Estejamos dispostos a sacrificar nossos sonhos, pois tudo é de Deus!


Não importa para que, mas sermos escolhidos

O tema central deste Domingo é a pobreza voluntária, a partilha dos bens como realidade do reino anunciado pelos profetas. A promessa de Deus não falha, Ele nos dará uma terra nova, a aliança que fez conosco é um dom que devemos conquistar com a nossa fidelidade: Ele nos libertará do peso da escravidão, oferecerá um caminho novo, dará a verdadeira paz, irá nos enriquecer com todos os bens, mas não para que gozemos sozinhos, mas para que os partilhemos com todos (…).

Não importa para que somos escolhidos, mas sermos escolhidos. Deus não rejeita ninguém. Ele nos ama e por nos amar nos escolhe para uma vocação: a de que sejamos encontrados dignos do seu amor. Maria é feliz porque foi escolhida como mão do Salvador; José é feliz porque foi escolhido para ser o protetor da sagrada família; e Abraão, porque foi escolhido para ser o pai do povo. E você, é feliz na sua vocação ou a leva como uma cruz?

Foi pela fé

Na carta aos hebreus, a insistência com que o autor repete a palavra “pela fé” nos sustenta em todos os momentos. Mas o que é a fé, em que consiste ter fé e como devemos tê-la? São perguntas às quais devemos responder de forma pessoal. Assim como Jesus deu o seu sim inicial ao Pai e em todas as horas renovou o seu sim sem duvidar e sem temer, nós devemos dizer sim, mesmo que não compreendamos o projeto de Deus na nossa vida. Abraão foi posto à prova… Da mesma forma, Deus quer que estejamos dispostos a sacrificar nossos primogênitos. E quais são eles?  Os nossos sonhos. Tudo é de Deus e tudo a Ele deve ser oferecido.

Escutar o Evangelho apenas quando o padre o lê na missa não é suficiente. É preciso que tenhamos o costume de chegar à Igreja com a Palavra de Deus lida e meditada, para que possamos ser imbuídos do que Deus quer de nós com maior facilidade. Hoje, Jesus nos fala de vendermos tudo e ajudarmos os outros com o que recebemos. Com a mais bela e profunda sabedoria, Jesus nos recorda algo fundamental: “Onde estiver o nosso tesouro, lá estará o nosso coração”. Examinemo-nos com sinceridade: a que estão dirigidos os nossos pensamentos? Em Deus ou no dinheiro, na busca de nós mesmos ou nas pessoas que nos afastam do nosso ideal?

Jesus nos lembra também que é importante permanecermos atentos para receber o Senhor quando Ele vier. Não podemos viver descuidados, Ele é exigente e justo. De toda graça que recebemos, devemos prestar contas a Deus: “A quem muito foi dado, muito será exigido”.

Fonte: Frei Patrício Sciadini. Comentário Pão da Vida, Edições Shalom, XIX TC.

2 comentários em “Estejamos dispostos a sacrificar nossos sonhos, pois tudo é de Deus!

  1. Amei essa frase: \”Não importa para que somos escolhidos, mas sermos escolhidos\”….pq mts vezes, me questiono, qual a minha missão aqui? oq realmente vai me fazer feliz? qual é a vontade de Deus pra mim? q é a minha vocação? mas qnd estou perto de descobrir td isso, se for totalmente diferente da minha vontade, eu tenho medo de ir além, acabo ñ mergulhando nos mistérios de Deus e nem descobrindo os planos dele pra mim. Essa é a verdade e isso infelizmente mostra o quanto ainda estou presa no meu eu, no meu querer..pq msm sabendo q a verdadeira felicidade está em se abandonar nas mãos do pai, muitos de nós queremos viver ainda nessa grande ilusão??

    Curtir

  2. Olá Paula, agradeço a vc pelo comentário no artigo, por sua sincera partilha e também pelo drama do seu coração, ou, talvez, também pelos seus medos. De fato, muitas vezes temos medo que a vontade de Deus seja diferente da nossa, mas descobri-la e abraçá-la é a nossa felicidade. Não é fácil em ambas situações: quando queremos uma vocação específica e não se trata disto e quando não a queremos e Deus nos chama. Tudo é graça. \”Deus só nos pede o que já nos concedeu\”, diz Teresinha do Menino Jesus.Ele sempre inspira o que sabe que podemos corresponder porque é a Sua graça que realiza isto em nós, mas precisamos da coragem e do salto da fé, inevitável salto e risco da fé. Não tentar, não confiar, não saltar pode trazer muitas consequências para nós, mas Deus cuida sempre de nós. Deus é simples e nos mostra a sua vontade na simplicidade da cotidianidade, de forma especial, a oração e os fatos. Um grande abraço Paula. Passe sempre por aqui e nos enriqueça com suas questões e partilhas de vida. Que Nossa Senhora te guarde!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: